O Ford Mustang agora é eléctrico

O-Ford-Mustang-agora-e-electrico

O Ford Mustang agora é eléctrico

A Ford sempre habitou os seus fãs com um verdadeiro “Muscle car” com um rugido inigualável.

O "Mustang" é inspirado no avião de caça P-51 Mustang, cujo nome se inspira na única raça de cavalo selvagem norte americano.

A primeira geração do Mustang foi lançada em abril de 1964, com uma carroçaria coupé de duas portas e um conversível de duas portas.

  • O-Ford-Mustang-agora-e-electrico1
  • O-Ford-Mustang-agora-e-electrico2
  • O-Ford-Mustang-agora-e-electrico3
  • O-Ford-Mustang-agora-e-electrico4

Mas agora vamos falar do Mustang Mach-E, que é um automóvel 100% elétrico e um SUV “Ligeiro”, que já possui uma bateria com 75,7 kWh implica uma potência de 258 cv, valor que sobe para 337 cv quando se dispõe de 98,8 kWh.

O que favorece ao Mach-E são as generosas autonomias que as baterias dispõem seja numa Autonomia Padrão ou alargada.

A autonomia Padrão consegue reivindicar 450 km com a bateria standard e 600km com a tração traseira (RWD). Se pretende adquirir 4x4 a autonomia sofre pequenas alterações, a standard para 420 km e alargada para 540 km.

No sector elétrico este modelo consegue nas duas versões de tração ter mais autonomia que muitos automóveis que já foram lançados por outras marcas, o que implica um posicionamento muito competitivo.

O Mustang Mach-E pode ser fornecido com apenas um motor atrás (logo com tracção traseira, ou RWD) ou com um motor por eixo, o que lhe garante tracção integral (AWD). Com a bateria Standard Range e RWD, o eléctrico da Ford monta um motor com 258 cv, para subir para 285 cv com a bateria maior.

Ford Mustang Mach-E First Edition. Estará disponível em 2020.

Comments are closed.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial