O que é o SWOT POWER?

O que é o SWOT POWER

Análise SWOT é uma auditoria de marketing que considera os pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças de uma organização.

Todos os responsáveis de marketing já fizeram diversas análises SWOT e com o evoluir dos tempos certamente começaram a ter consciência das possíveis limitações desta popular ferramenta.

O mesmo aconteceu comigo e depois de várias pesquisas a estudos adoptei a metodologia SWOT POWER que utilizo há muitos anos e que partilho agora com vocês.

POWER é um acrônimo de Personal Experience (experiência pessoal), Order (ordem), Weighting (ponderação), Emphasize detail (detalhar), e Rank and Prioritize (classificar e priorizar). É assim que funciona.

P = Experiência pessoal

Como é que você, se encaixa em relação à análise SWOT? Você traz suas experiências, capacidades, conhecimento, atitudes e crenças para a auditoria. A sua percepção ou intuição afectará a análise SWOT que realizar.

O = Ordem

Muitas vezes, inadvertidamente, trocam-se oportunidades e pontos fortes e ameaças e fraquezas. Isso ocorre porque a linha que separa os pontos fortes e fracos e oportunidades e ameaças às vezes é difícil de detectar. Por exemplo, em relação ao aquecimento global e às mudanças climáticas, pode ser encarada como uma ameaça e não como uma oportunidade potencial.

W = Ponderação.

Muitas vezes, os elementos de uma análise SWOT não são ponderados. Naturalmente, alguns pontos serão mais controversos do que outros. Então, o ideal é atribuir pesos aos factores. Uma maneira será usar percentagens, por exemplo, Ameaça A = 10%, Ameaça B = 70% e Ameaça C = 20% (totalizam 100%).

E = Detalhar

O detalhe, raciocínio e justificação são muitas vezes omitidos na análise SWOT. O que geralmente encontramos é uma lista de palavras únicas. Por exemplo, em oportunidades, pode-se encontrar o termo “Tecnologia”. Essa única palavra não diz muito. Poderá significar:

“A tecnologia permite que os marketeers comuniquem por meio de dispositivos móveis com os seus potenciais clientes. Isso oferece a oportunidade de uma vantagem competitiva distinta para nossa empresa”.

Isto irá ajudá-lo a decidir qual a melhor forma de pontuar e ponderar cada elemento.

R = Classificação e prioridade

Uma vez que o detalhe foi adicionado e os factores foram revistos para ponderação, pode progredir para dar à análise SWOT um significado estratégico, ou seja, você pode começar a seleccionar os factores que influenciam mais a sua estratégia de marketing.

Essencialmente, é classificar do mais importante para o menos importante e depois priorizar aqueles com a maior classificação, como por exemplo: Oportunidade C = 60%, Oportunidade A = 25%, e Oportunidade B = 10%

O plano de marketing abordaria o Oportunidade C primeiro e o Oportunidade B em último. É importante abordar as oportunidades principalmente porque a sua empresa deve ser orientada para o mercado. Em seguida, combine pontos fortes com as oportunidades e procure um ajuste. Abordar quaisquer lacunas entre as forças actuais e as oportunidades futuras. Finalmente, tente reformular as ameaças como oportunidades (como com o aquecimento global e as mudanças climáticas citadas acima), e abordar as fraquezas para que elas se tornem forças.

A análise de lacunas é muito útil neste momento, ou seja, onde estamos agora e onde queremos estar? As estratégias a definir devem superar a distância entre lacunas.

Ana Xavier – Dir. Business & Marketing Intelligence