O papel da Tesla na revolução e evolução do automóvel

Quer se goste ou não da Tesla, é difícil para qualquer um de nós ficar-lhe indiferente, quer seja pelos belos seus belos veículos elétricos, ou pela excentricidade do seu CEO Elon Musk, o certo é que a Tesla veio marcar uma posição no mundo automóvel.

Revolução e Evolução

Embora possam parecer à partida conceitos dispares, a revolução e a evolução são duas faces da mesma moeda, visto uma estar perentoriamente depende da outra.

Ao olharmos para as várias marcas e modelos que existem atualmente no mercado, rapidamente constatamos que tecnologicamente e no que concerne ao valor para o cliente pouco as distingue, sendo o fator preço o principal diferencial.

A Tesla veio mudar o jogo com a sua aposta na inovação, redefinindo conceitos existentes e criando novos, existindo vários exemplos disso, como o desenvolvimento do seu próprio SO que veio possibilitar a atualização remota dos seus veículos, ou a sua aposta em aplicações de IOT (Internet of Things) com especial ênfase na condução autónoma, ou mesmo o seu contributo para a própria mobilidade elétrica.

Assim como uma pedra que embate num charco provoca uma disrupção à sua volta, também a Tesla representou a pedra que faltava numa indústria despida de ideias. Atualmente já se começam a ver um pouco por toda a indústria os sinais dessa onda de inovação. Temos como exemplo disso a Bosch que tem em desenvolvimento um sistema que irá permitir às outras marcas atualizar os seus veículos à semelhança do que a Tesla faz atualmente, também no que concerne à condução autónoma quase todas as marcas, se não todas têm atualmente em desenvolvimento projetos nesta área, também a Goodyear tem em desenvolvimento pneus com sensores que irão permitir saber quando é que os pneus deverão ser mudados e o que dizer da mobilidade elétrica, outrora desacreditada pela indústria automóvel, agora é vista como o futuro da mesma. 

Tal revolução tem levado a uma evolução do automóvel quer tecnologicamente, explorando outros tipos de mobilidade como o hidrogénio, quer na sua experiência de utilização, levando a que pouco e pouco o conceito de produto seja trocado pelo conceito de serviço, onde temos como exemplo não só a Tesla como também a Volvo e a Porsche.

A Tesla redefiniu completamente a forma como encaramos o automóvel e como encaramos os veículos elétricos e esses serão talvez os seus maiores contributos para o setor automóvel.